Tecnologia em Metalurgia, Materiais e Mineração
https://www.tecnologiammm.com.br/article/doi/10.4322/2176-1523.20202023
Tecnologia em Metalurgia, Materiais e Mineração
Original Article

EVOLUÇÃO DA MINERAÇÃO DE ARGILA PARA CERÂMICA VERMELHA NA REGIÃO DA AMREC**, SOB A ÓTICA DA LAVRA AMBICIOSA: UM ESTUDO DE CASO

EVOLUTION OF CLAY MINING FOR HEAVY CLAY CERAMIC IN AMREC** REGION UNDER AMBITIOUS MINING: A CASE STUDY

Wagner Benedet Rebelo, Alexandre Zaccaron

Downloads: 0
Views: 84

Resumo

O presente estudo ilustra a evolução do processo de mineração de material argiloso, desde a informalidade, ocasionada pela falta de instrução das empresas cerâmicas, ocorridas nas décadas passadas, até os dias atuais, com as operações conduzidas por uma cooperativa de mineração, dentro dos aspectos legais de mineração. O estudo de caso apresenta um melhor aproveitamento dos minérios disponíveis em uma área de 63,4 hectares, pela qual foi minerado um volume total de 1.115.000 m3 , onde destes, 680.000 m3 corresponderam às extrações em áreas que outrora estavam abandonadas. O desenvolvimento das operações consistiu em concentrar as frentes de lavra de 14 para 3, que eram mineradas individualmente pelas empresas, e passaram a ser mineradas pela COOPEMI, sob orientação técnica. O ganho econômico com a mudança do sistema produtivo foi cerca de R$ 6.690.000,00. Então, a caráter conclusivo, atestou-se que o modelo que perdurou durante muitos anos na região sul de Santa Catarina, se enquadrava como lavra ambiciosa, e os novos métodos de mineração adotados, aumentaram a vida útil das jazidas.

Palavras-chave

Lavra ambiciosa; Mineração; Argila.

Abstract

The study shows the evolution of the clay mining process, since informality, caused by the lack of technical knowledge of the ceramic companies, in the past decades, to the current days, with the operations conducted by a mining cooperative, within the aspects mining law. The case study presents a better use of the available ores in an area of 63.4 hectares, which were mined a total volume of 1,115,000 m3 , where of these, 680,000 m3 corresponded to the extraction in areas that once they were abandoned. The development of operations consisted of concentrating the mining fronts from 14 to 3, which were individually mined by the companies, and were now mined by the cooperative, under technical guidance. The economic gain from the change in the production system was approximately R$ 6,690,000.00. So the conclusive character, it was attested that the model that lasted for many years in the southern region of Santa Catarina, fit as ambitious mining, and the new mining methods adopted, increased the useful life of the clay deposits.

Keywords

Ambitious mining; Mining; Clay

Referências

1 Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina – ALESC. Documentário contará a história da cerâmica vermelha. Diário Catarinense. 2012;18:42-43.

2 Zaccaron A, Galatto SL, Nandi VS, Fernandes P. Incorporação de chamote na massa de cerâmica vermelha como valorização do resíduo. Cerâmica Industrial. 2014;19(3):33-39.

3 Coelho JM. Desenvolvimento de estudos para elaboração do plano duodecenal (2010-2030) de Geologia, Mineração e Transformação Mineral. Brasília: Ministério de Minas e Energia – MME; 2009. 30 p.

4 Aumond JJ, Fortes E, Loch C. Uso do sensoriamento remoto para análise de impacto ambiental resultante da atividade cerâmica no Vale do Rio Tijucas. GEOSUL. 1991;11(6):74-91.

5 Andrade MV, Azevedo PV, Almeida ICS, Carvalho JLAS. Uma abordagem teórica a sustentabilidade da mineração. In: Anais do Congresso Brasileiro de Gestão Ambiental e Sustentabilidade; 2013; João Pessoa, Brazil. João Pessoa: Ecogestão Brasil; 2013. vol. 1, p. 289-294.

6 Brasil. Código de Mineração e Legislação Correlata. 2. ed. Brasília, DF: Senado Federal, Subsecretaria de Edições Técnicas; 2011. 113 p. (Coleção Ambiental; vol. 2).

7 Pagnan S, Benedet W, Frizzo R, De Noni A Jr. Fornecimento sustentável de argilas para APL de cerâmica vermelha. Brasília, DF: Rede APL Mineral; 2013. Prêmio Melhores Práticas.


Submetido em:
13/02/2020

Aceito em:
05/12/2020

5f74c7830e8825e72ea88ecc tmm Articles
Links & Downloads

Tecnol. Metal. Mater. Min.

Share this page
Page Sections